Polícia Militar e campanha Doe Vidro. Doe Vida. entregam potes de vidro para o Banco de Leite da Santa Casa
16

Postado por  em Blog

A campanha Doe Vidro. Doe Vida. em parceria com a 2a Companhia de Polícia Militar do 13o BPM/M, posto da Vila Buarque em São Paulo, arrecadou em tempo recorde mais de 60 potes de vidro para doar ao Banco de Leite da Santa Casa.

doevidrodoevida-sdd-sandro-sgt-julio-cabo-moises

O posto da Polícia Militar da Vila Buarque, que fica na Praça do Rotary, esquina das ruas Major Sertório e Cesario Mota Junior, arrecadou em pouco mais de 10 dias aproximadamente 60 potes de vidro de boca larga e tampa plástica. O Sargento Julio e Soldado Sandro contam que a comunidade do entorno rapidamente se comprometeu com a causa e encheu o coletor que a Abividro entrega. Tanto que tiveram que usar caixas adicionais para guardar os potes até que fossem entregues ao Banco de Leite da Santa Casa.

A doação dos potes foi realizada na última sexta-feira, dia 9 com a presença da equipe do Banco de Leite da Santa Casa e da enfermeira chefe Sara Souza, como forma de apoio a Santa Causa.

Abaixo a matéria publicada pela Santa Casa na íntegra:

O Banco de Leite da Santa Casa de São Paulo, no dia 09 de Setembro recebeu doações da Abividro, uma entidade que reúne indústrias de vidro de todo o país. Foram mais de 60 potes de vidros coletados nos postos da campanha “Doe Vidro. Doe vida” que foram direcionados para a nossa instituição com a finalidade de armazenar o leite materno.

A representante da Abividro, Claudia Zampelli foi quem trouxe as doações, ela conta que com a chegada da semana do aleitamento materno (01 de Agosto), a organização procurou uma parceria com a PM que fica instalada na Praça Rotary próximo da Santa Casa, entre outros estabelecimentos da redondeza da região da Vila Buarque que receberam cartazes e folders da campanha chamando a população local à doação.  Ao ser questionada sobre o porquê do direcionamento das doações para a nossa instituição, ela disse “Eu escolhi a Santa Casa primeiro pela proximidade, mas também por conta da referência, nós focamos muito nos hospitais públicos, e em lugares que sabemos que precisam e que tem uma grande quantidade de mães e lactantes”.

potes-doevidrodoevida-santa-casa22
Os frascos de vidro podem ser reutilizados até 20 vezes, e são primordiais para guardar o leite por serem inerte e biologicamente inativos, só que infelizmente os estoques e doações geralmente são baixos. A representante da organização complementou “A prioridade primeiramente é o aleitamento materno, a doação do leite é o mais importante, mas saber que tem pessoas que jogam o leite fora por não ter onde guardar, isso é triste, então nós abraçamos essa causa.”

A Chefe de enfermagem Sara Souza, recebeu as doações que serão muito bem utilizadas, onde passarão por um processo de esterilização no Centro de Material, até receber o leite doado.  “O frasco que nós precisamos são de vidro com tampa de plástico, e nesta espécie de campanha arrecadamos todos os tipos (…) e para o banco de leite é muito importante, pois a única forma de condicionar o leite doado é no frasco de vidro, que por legislação é obrigatória, então pra gente é muito importante esta campanha, que afinal é uma forma de efetivar as doações e de garantir que os bebes da UTI Neonatal recebam o leite doado.”

Leia na íntegra aqui.

santa-casa-doevidrodoevida-9set2016

Sobre a base comunitária da Polícia Militar da Praça do Rotary

A Base Comunitária da Polícia Militar na Praça Rotary é considerada uma base modelo em seu gênero no Brasil e foi inspirada nas bases do policiamento comunitário do Japão. Desde 2005, em parceria com a Polícia Militar do Estado de São Paulo e a Polícia Nacional do Japão, policiais militares brasileiros têm ido ao Japão aprender sobre o modelo japonês, pioneiro em todo o mundo. Única no Centro de São Paulo, a Base da Praça Rotary, atua principalmente em conjunto com as comunidades representadas pelas Ações Locais da área: General Jardim, Major Sertório, Amaral Gurgel, Bento Freitas e Rego Freitas.

Segundo o sargento Wilson Jorge dos Santos Alves, do 13°BPM e comandante da Base Comunitária de Segurança da Praça Rotary, o sucesso dessa iniciativa está na aproximação da polícia com a comunidade. Os policiais que atuam nas Bases Comunitárias são sempre os mesmos, criando um vínculo de confiança com os moradores. O morador que tem necessidades, pode nós ligar caso precise de ajuda (3214-4696). Nós nos preocupamos com os moradores da região, é para eles que trabalhamos.

O trabalho da Base Comunitária da PM na Praça Rotary já repercutiu no Japão. O jornal Sankei Shimbun, de Tóquio, que possui uma tiragem de 2,6 milhões de exemplares diários (oitavo de maior circulação em todo o mundo), publicou uma reportagem sobre a experiência desenvolvida na Vila Buarque. Diz o periódico que as bases comunitárias ajudaram a reduzir o número de homicídios, graças à parceria entre polícia e comunidade. A atuação conjunta também visa reduzir o tráfico de drogas e o número de assaltos. (clique aqui).

posto-pm-vila-buarque-doe-vidro-doe-vida

Interatividade

Para o sargento, as Ações Locais do entorno da praça fazem o papel de relatar as necessidades da comunidade. As Ações Locais nos informam sobre os problemas para que possamos solucioná-los, e tem dado resultado. A comunidade precisa interagir com a polícia, esse é o caminho para solucionarmos os problemas do bairro.

A presidente da Ação Local General Jardim, Vera Lúcia, aprova a instalação da base comunitária na região. É o modelo ideal de polícia, no qual o policial e o morador se conhecem. Se o morador estiver com um problema, o policial já sabe como proceder, pois já sabe seu nome, telefone e suas necessidades.

Participe da campanha você também! Envie e-mail para contato@abividro.org.br mencionando a campanha Doe Vidro. Doe Vida. Você pode salvar uma vida.

Comente uma ideia!

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

* campo obrigatório